Search
Close this search box.

Em reunião tensa, dep Tiago Amaral cobra acordo e direito de ir e vir dos moradores de Mandaguari pela Estrada Terra Roxa

29/3/2021

Secretário, concessionária e prefeitos participaram da reunião que busca solução para o impasse

Uma reunião tensa e longa marcou a tentativa de resolver o impasse no direito de ir e vir na Estrada Terra Roxa, entre Mandaguari e Marialva, nesta segunda-feira (29).

Por videoconferência, o secretário de Infraestrutura e Logística, Sandro Alex, representantes da Concessionária Viapar, prefeita de Mandaguari Ivonéia e o vice-prefeito Jorge do Alambique, prefeito de Marialva, Victor Martini, e deputados buscaram um acordo para o conflito que envolve a Estrada Terra Roxa, importante via de acesso dos moradores de Mandaguari e Marialva.

Recentemente, a concessionária Viapar, que administra a praça de pedágio na região, conseguiu uma liminar que autoriza o fechamento da rota. Apesar da decisão judicial, o bloqueio ainda não ocorreu.

“Esse acordo não foi feito com uma simples palavras, ele foi respeitado pela comunidade e concessionária. Não dá para punir toda a comunidade, mudando o entendimento em um dos principais e maiores conflitos entre comunidade e concessionárias no Paraná. Tentar mudar o acordo, pela via judicial, é claro que acirra os ânimos. Aqui estamos todos dispostos a um entendimento, mas nenhum entendimento que não respeite aquilo que tinha sido estabelecido anteriormente será compreendido pela comunidade e por quem representa a comunidade. Antes de qualquer tipo de mudança, antes da via judicial, que venha a via do bom senso e do diálogo como foi estabelecido lá atrás”, afirmou deputado Tiago Amaral, representante do município de Mandaguari.

Impasse – Representantes da concessionária argumentam que precisam cumprir a decisão judicial e fechar as alças porque a justiça entende que é uma rota de fuga do pedágio. Do outro lado, o argumento é que não configura rota de fuga, tanto que a passagem é limitada apenas a veículos emplacados em Mandaguari e Marialva. Outros questionamentos foram feitos, se somando ao impasse, como  aumento da burocratização para cadastro dos moradores de Mandaguari e Marialva que passam pelo praça de pedágio e o desconto de 80% na tarifa, para os moradores das duas cidades, que não estaria sendo cumprido por parte da concessionária.

Uma nova reunião será marcada para essa semana pela Secretaria de Infraestrutura e Logística com prefeitos e a concessionária para tentar chegar a um acordo. Também participaram da reunião por videoconferência os deputados Evandro Araújo, Delegado Jacovós, Soldado Adriano, Tercilio Turini e Douglas Fabricio.

Obrigado por ler nosso artigo

Quando Tiago Amaral dá a sua palavra está garantindo que trabalhará incansavelmente para atender aquela demanda.

Novidades

Vem pro Face do Tiago

Último vídeo

Acompanhe o Tiago no seu E-mail

ocê gostaria de receber dicas, novidades e conteúdos exclusivos do Tiago no seu e-mail? Então, inscreva-se na newsletter dele e não perca nada! É fácil e rápido, basta clicar no botão abaixo e preencher o formulário. Você vai receber um e-mail de confirmação e pronto, você já faz parte da lista de assinantes do Tiago. Aproveite!